CASAMENTO 1

Pergunta:
 Fui traída pelo meu marido. Perdoei-o, pois o amo muito, mas acho que estou sufocando-o com meu sentimento. Queria ser mais dura, às vezes acho que é por isso que ele não me valoriza como mereço. É pecado se eu passar a tratá-lo com um pouco de frieza, para que ele aprenda a me dar valor? CD
Resposta:
 Deus fica muito feliz quando desenvolvemos o perdão.
O perdão é um ato de Deus para conosco. Todos os dias cometemos inúmeros deslizes e Deus está sempre disposto a nos perdoar. O perdão nunca é sufocante. Só será sufocante se for utilizado como moeda de troca ("eu te perdoei, agora você vai ter que...").

Em minha opinião, você não precisa ser mais dura com seu marido para ser valorizada. Tratar qualquer pessoa com frieza não aumenta o valor de ninguém.

A primeira coisa que você precisa saber é, se você se dá valor. Quando nós demonstramos em nossa vida que nos damos valor, os outros que estão ao nosso redor também começam a fazê-lo. Lembre-se: Devemos amar o nosso próximo como a nós mesmos.

Um ponto importante a salientar é que amar não significa ser capacho, não significa aceitar qualquer coisa. Em todo relacionamento precisamos estabelecer limites. Isto para nossa proteção. Por exemplo: você pode construir toda a sua vida apenas ao redor do seu marido. Isto é sufocante realmente. Ou você pode construir a sua vida com outros interesses, outras amigas especiais, outros objetivos nobres. Tenha um tempo para estas outras atividades. Não permita que o seu marido absorva todo o seu tempo e todas as suas energias. Você percebe que como estabelecer limites, até mesmo para aquilo que é bom, é necessário? Estabelecer limites é uma forma importante de amar a nós mesmos.

Se você ama seu marido continue demonstrando este amor por ele. Você também poderá começar a tratá-lo com desprezo e ver o que acontece. Mas tenho a impressão que não irá funcionar.
O amor de Jesus é sempre a melhor resposta.

"De longe se me deixou ver o Senhor, dizendo: Com amor eterno te amei; por isso, com benignidade te atraí."(Jeremias 31:3).
Deus te abençoe.

 

POR.
PR.HIPOLITO CESAR

Comments